Cuidados dos pássaros
    Animais     Aves     Pássaros     Cuidados dos pássaros
 
   Cães
   Cães
   Raças de cães
   Cuidados e alimentação

   Gatos
   Os gatos
   Raças de gatos

   Cavalos
   Os cavalos
   Raças de cavalos

   Mamíferos
   Coelhos
   Elefantes
   Esquilos
   Hamsters
   Lobos
   Macacos
   Morcegos
   Ursos

   Mamíferos marinhos
   Baleias
   Focas
   Golfinhos
   Orcas

   Felinos
   Leões
   Leopardos
   Linces
   Tigres

   Répteis
   Crocodilos
   Iguanas
   Serpentes
   Tartarugas

   Mundo marinho
   Peixes
   Tubarões

   Aves
   Águias
   Pássaros
   Os pássaros
   Cuidados dos pássaros
   Alimentação dos pássaros
   Papagaios
   Cuidados dos papagaios
   Os canários
   Raças de canários
   Cuidados de canários
   Periquitos
   Alimentação dos periquitos
   Cores dos periquitos
   Cuidados de periquitos
   Abutre
   Albatroz
   Avestruz
   Beija-flor
   Catatua
   Cegonha
   Cisne
   Codorniz
   Coruja
   Corvo
   Cuco
   Dodó
   Flamingo
   Gaivota
   Galinha
   Ganso
   Melro-preto
   Pardal
   Pato
   Pavão
   Pelicano
   Pica-pau
   Pintassilgo
   Pombo
   Rouxinol
   Tucano
   Verdilhão
   Pinguins

   Insectos
   Borboletas
   Formigas

   Animais
   Animais famosos
   Cuidados de animais
   Curiosidades sobre animais

   Imagens
   Desenhos
   Fotos
   Fundos de Ecrã
   Imagens graciosas
   Gifs animados


Cuidados dos pássaros
22

Cuidados dos pássarosUm dos momentos que é necessário prestar mais atenção ao teu pássaro é o da muda. Trata-se de um processo em qual a plumagem muda para outra mais nova. Este processo é duro para a ave, pelo que devemos complementar a sua dieta com mais gorduras, proteínas, vitaminas, cálcio e hidratos de carbono.

Ao serem animais de estimação, as datas para a muda não estão determinadas no calendário pois encontra-se num ambiente com condições controladas, não dependem tanto do clima.
Para ajudar o teu animal na muda, um truque é borrifar o animal com água duas vezes por semana, pois a humidade favorece que se desfaça mais facilmente das penas mortas e assim acelerar este processo.

Para o cuidado dos bicos e das unhas, o melhor é o exercício diário que elas mesmas realizarão. Se ainda assim, observares que as unhas da tua ave são demasiado compridas, podes cortá-las com cuidado para evitar que o animal se magoe.

No caso dos bicos, quando uma ave não tem o desgaste necessário, este irá aumentar de tamanho podendo inclusive criar problemas durante a alimentação. Para o evitar, será necessário colocar ossos de choco ou blocos de minerais no lugar onde o pássaro costuma estar. Outro elemento indispensável para a maioria das aves é os poleiros. É assim pois são artigos que permitem às aves exercitar as suas patas.

O recomendado é colocar na gaiola diferentes tamanhos e grossuras de poleiros para que o nosso animal não se acostume a uma medida fixa. Se não for possível, deveremos escolher uma grossura demasiado delgada pois caso contrário, não será aplicado a força suficiente com as patas para fazer exercício.

Devemos ter em conta a colocação de todos estes elementos na gaiola do animal, pois não devem atrapalhar ou dificultar o seu voo. Evitaremos pô-los por baixo de bebedouros e comedouros para evitar que haja algum tipo de acidente

Se temos várias aves, evitaremos pô-los uns em cima dos outros para que também não chateiem os outros animais.

Imprimir artigo Enviar artigo
Tags:   aves, pássaros
Contacto MundoEntrePatas.com. O teu portal sobre os animais: cães, gatos, esquilos, coelhos, hamsters...
Condições de uso